Limite

Será que alguém lê isso aq?kkkk Ah,besteira,meu diarinho msm.. Hoje meu dia foi legal… comprei umas coisas que faltavam p cestas,sai pra lanchar e depois facul que minha amiga estuda e shopping com ela tbm!Tava precisando descontrair… estresses do dia-a-dia!

Então,tava pensando sobre limite, como definir? quando somos pequenos, somos proibidos de comer brinquedos, de falar palavrão, de meter a mão no coleguinha de classe… adolescentes, proibidos de beber,de se expressar,adultos,somos proibidos de ser crianças,de se permitir o fácil perdão,são tantos ”NÃOS” durante a vida que as vezes eu me pergunto em que pessoa estou me tornando, sou parte do meio,mas não queria ter essa consciência massificada,sou relativamente nova,20 anos, mas as vezes me preocupo tanto! Com o que o outro vai pensar, se vai agradar,se não vai… e por muitas vezes deixo de seguir meus instintos…

O bom de conseguir estar egocêntrica[o negoço é conseguirr hahah],é se focar nas certezas, o terrível [ruim é pouco] é ter que me limitar as regras impostas pelas mentes humanas, costumo fazer planos, e muitos são quebrados no meio do caminho pelas pessoas que tem uma bagagem considerável de alegrias na minha vida,então é muito maluco pensar que as vezes eu deixo de ser eu por pessoas que eu amo! Como pode isso? Não sei! kkkkkkkk meu deus,tô filosofando demaissssss….

Ouvindo country aqui…[mtoooo legal] e indo dormir pra tentar ir malhar pela trigésima vez! comi mta porcaria hoje,tortelete,paozinho de queijo,folheado,sonho,marshmellow do bob sponjaa..haha mta coisa boa + que é preciso malhar bastante depoiss! Tô aqui feliz,triste,ansiosa,calma e ficando um pouquinho fora de órbita,não sei se pela hora,pelos pensamentos ou simplesmente pela realidade…hahah… melhor dormir pra produzir amanhã… tenho que correrr… afinal, ninguém anda com meus pés!

Textinho:
‘Viver não dói”de Marta Medeiros

”Fiquei sabendo que um poeta mineiro que eu não conhecia, chamado Emilio Moura, teria completado 100 anos neste mês de agosto, caso vivo fosse. Era amigo de outro grande poeta, Drummond. Chegaram a mim alguns versos dele, e um em especial me chamou a atenção: “Viver não dói. O que dói é a vida que não se vive”.

Definitivo, como tudo o que é simples. Nossa dor não advém das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram.

Por que sofremos tanto por amor? O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma pessoa tão bacana, que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez companhia por um tempo razoável, um tempo feliz. Sofremos por quê?

Porque automaticamente esquecemos o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido junto e não tivemos, por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado, e não compartilhamos. Por todos os beijos cancelados, pela eternidade interrompida.

Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um amigo, para nadar, para namorar. Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos os momentos em que poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas angústias se ela estivesse interessada em nos compreender. Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada. Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar.

Como aliviar a dor do que não foi vivido? A resposta é simples como um verso: se iludindo menos e vivendo mais.

Bjs ,fiquem com Deuss

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s